4 Principais etapas do processo de registro de marca

4 Principais etapas do processo de registro de marca

Durante o processo de registro de marca ocorrem algumas etapas e para que o processo garanta êxito é necessário atentar-se aos prazos e exigências que cada uma dessas etapas demanda. Por este motivo, é imprescindível o acompanhamento por um profissional técnico.
Você sabe por que?


Você conhece bem a expressão: de médico e louco todo mundo tem um pouco? Então, ela é capaz de resumir o porquê contar com um serviço especializado ou não. Afinal, se você está com dor, pode se automedicar (o que não recomendamos) ou procurar um profissional, que vai te examinar e dar a medicação certa. Assim você fica bom mais rápido.

Essa analogia resume bem a importância de contar com uma empresa especialista no Registro de Marca, isso porque ao fazer sozinho pode levar a um pedido indeferido, e precisar gastar duas vezes para ser o dono da sua marca. Dados do INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) – órgão responsável por conceder o registro de marca no Brasil – confirmam isso.

Pelo menos 98% dos pedidos de registo de marca feitos sem apoio de um especialista são arquivados, porque não cumpriram os prazos obrigatórios ou foram preenchidos de forma errada. Neste caso, para requerer a propriedade da marca, é necessário entrar com um novo pedido.

Por esse motivo, é imprescindível que o processo de registro da sua marca seja acompanhado por um profissional capacitado. Nós somos especialistas em registro de marca, atuando desde 2015.

Sobre o Autor

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Artigos relacionados

Deixe o seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *